Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Gata Christie



Domingo, 13.07.14

Sabem quando a gente diz que esta geração está perdida e no nosso tempo é que era bom?

Por causa da festa da escola, os miúdos aprenderam a cantar o refrão do 'Chico Fininho', do Rui Veloso. Um clássico. Aproveitei para lhes mostrar a canção toda, porque ando um bocado farta daquelas músicas parvas que eles ouvem, e deparei-me com isto:

"Gingando pela rua
Ao som do Lou Reed
Sempre na sua
Sempre cheio de speed
Segue o seu caminho
Com merda na algibeira
O Chico Fininho
O freak da cantareira

 

Chico fininho
Uuuuuuh uuuuuuh (x4)

 

Aos sss pela rua acima
Depois de mais um shoot nas retretes
Curtindo uma trip de heroína
Sapato bicudo e joanetes

A noite vem já e mal atina
Ele é o maior da cantadeira
Patchuli borbulhas e brilhantina
Cólica escorbuto e caganeira

 

Chico fininho
Uuuuuuh uuuuuuh (x4)

 

Sempre a domar a cena
Fareja a judite em cada esquina
A vida só tem um problema
O ácido com muita estricnina

Da cantareira baixa
Da baixa cantareira
Conhece os flipados
Todos de gingeira

 

Chico fininho
Uuuuuuh uuuuuuh (x4)"

 

Já não me lembrava que a letra do Carlos Tê incluía merda, trips de heroína e caganeira. Muito bom. Se calhar, pensando bem, acho que os Dzrt, o Anselmo Ralph e os outros até são uma boa opção, não?

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Gata às 15:21


1 comentário

De macacagravaporcima a 13.07.2014 às 23:26

evita come restus e tara perdida LOL

Comentar post




Pesquisar

Pesquisar no Blog