Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Gata Christie


Domingo, 08.05.16

Do amor e outros demónios

As Pontes de Madison County, de Clint Eastwood. Lembro-me de quando o vi pela primeira vez. Já o vi tantas vezes depois disso. Voltei a encontrá-lo agora mesmo na televisão. E parece-me cada vez melhor. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Gata às 23:12

Quarta-feira, 23.03.16

Redenção

Um sofá, uma manta, um adolescente a ver o havai - força especial, o mano a desenhar castelos com canetas de feltro, as nossas mãos dadas, nós todos encostados uns nos outros, não ter horas para dormir e eu a pensar que me apetecia guardar este momento e lembrar-me dele nos outros momentos (tantos nos últimos dias) em que tudo parece correr mal. Tentar convencer-me de que mesmo que tudo o resto corra mal se conseguirmos chegar ao fim do dia todos juntos e abraçados é porque alguma coisa está a correr bem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Gata às 01:42

Sexta-feira, 19.02.16

A felicidade nas coisas pequenas (XXIX)

juntos.jpg

O amor está nas pequenas coisas, diz a ilustradora coreana Puuung. Já sabíamos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Gata às 16:23

Quarta-feira, 20.01.16

Turn on

“The point is,” she continued, “each of us is responsible for our own desire. For being shut down or being turned on. I have asked people in twenty-two countries the same questions, ‘What draws you to your partner?’ And the answers are universal. First, when he’s away, when she comes back, when we are separate and reunite. Second, when I see the other at work, on the stage, surfing, singing; when I see my partner doing something he’s passionate about. And third, when he makes me laugh, when he surprises me, when she dresses differently, when she introduces an element of the unknown.”

Verdades universais, relatadas pela Joanna Godard.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Gata às 21:48

Sexta-feira, 04.12.15

A felicidade nas coisas pequenas (XXVI)

Beijos inesperados. Terminar o dia de trabalho num estúdio frio às portas de Lisboa, a ouvir a Gisela João cantar o Hallelujah, do Leonard Cohen. Os miúdos felizes a fazerem a árvore de natal enquanto cantamos o Last Christmas. A nossa árvore é pequenina e tem bolas e fitas douradas e chocolates e no presépio temos um anjo sem uma mão, que se partiu há já uns anos. Encomendar uma pizza. Pantufas. Um serão a tricotar. Acreditar que vai correr tudo bem. É sexta-feira, porque não?

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Gata às 22:11

Sexta-feira, 05.06.15

Derramar-me

"How we need another soul to cling to, another body to keep us warm. To rest and trust; to give your soul in confidence: I need this, I need someone to pour myself into."

Sylvia Plath

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Gata às 23:53

Quarta-feira, 27.05.15

É por causa deles (e de outros como eles) que eu acredito em histórias de amor

Foi um privilégio assistir ao início disto tudo. É um privilégio continuar a acompanhar a felicidade e o amor da Sónia e do Ricardo. Eles fizeram 15 anos de casados. E a festa foi boa demais.

sonia15.jpgEu estava a trabalhar (acho que estou sempre a trabalhar nos fins-de-semana em que acontecem coisas importantes) mas consegui estar lá outra vez, a brindar com eles, e a tentar perceber qual é o segredo das histórias de amor felizes e para sempre. É por causa deles, e de outros como eles, que eu conheço na vida real e não só nos filmes, que eu continuo a acreditar.

(as fotografias foram roubadas à Cristina, que acompanhou tudinho)

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Gata às 23:19

Quinta-feira, 02.10.14

Perguntaram-me o que ando a ler

"Quando o amor é amor nunca acaba. Ainda que não possa continuar."

in 'Madre Paula', de Patricia Müller

(acredito tanto nisto. quando o amor é amor sobrevive a tudo. à distância. aos desencontros. à traição. ao tempo. até mesmo ao fim. se não sobrevive é porque não é bem amor. acredito tanto nisto, ainda que às vezes não acredite.)

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Gata às 22:37

Terça-feira, 01.04.14

It takes two to tango

"No mundo onde eu vivo o amor vive-se, o sexo é a dois, a paixão não tem prazo, as relações não têm regras, o “mapa do corpo” é descoberto a dois, a fantasia faz parte da relação, há espaço para os fetiches, as descobertas, as manias de cada um. Essa é a minha história, e dado que não a faço sozinho, é também a das pessoas que conheci.
No mundo onde eu vivo, e fora do qual não mergulho, o sexo não é bom nem mau - é como o tango, dança-se a dois, e às vezes sou o melhor do mundo, e outras vezes sou o pior.
No mundo onde eu vivo não se dramatiza a eternidade nem as relações que falham, como não se idolatram os casamentos que duram sem que vivam, ou que vivam mesmo depois de morrerem."

Este mundo do Pedro Rolo Duarte parece ser um lugar agradável.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Gata às 15:25

Domingo, 09.03.14

Um verdadeiro amor é sempre livre

"De cualquier manera el amor libre es una contradicción: un verdadero amor es siempre libre. Amor es decir que tú te olvidas de ti mismo por el otro. El amor es ver al otro, no verse a uno mismo. El sexo es verse a uno mismo. Esa es la gran diferencia entre el amor y el sexo."

Gerard Mortier (1943-2014), diretor de ópera

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Gata às 12:30



Pesquisar

Pesquisar no Blog