Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Gata Christie



Terça-feira, 06.05.14

Você já amou como se não houvesse amanhã?

 É o que pergunta Marcelo D2 em 'Você Diz que o Amor Não Dói':

"Você já amou como se não houvesse o amanhã?
Aquele amor que quando bate cê perde o medo da morte?
E quem foi que disse que não existe o amanhã
E se esse amor ainda tá lá, ai cê é um cara de sorte, hein?
Nem sempre a gente escolhe o caminho certo
Não consegue ou não tá esperto
Porque o certo nem sempre está perto
Perto, digo, aos olhos do coração
Não se pode ter tudo e nem tudo que se
Tem está ao alcance das mãos"
 

Esta manhã, num sofá num hotel da avenida da Liberdade, estive à conversa com o rapper brasileiro, com um capuz pela cabeça, falando sobre filmes e tatuagens e músicas e amor, e lembrando as palavras de Hemingway em 'Midnight in Paris', de Woody Allen:

"I believe that love that is true and real, creates a respite from death. All cowardice comes from not loving or not loving well, which is the same thing. And then the man who is brave and true looks death squarely in the face, like some rhino-hunters I know or Belmonte, who is truly brave... It is because they make love with sufficient passion, to push death out of their minds... until it returns, as it does, to all men... and then you must make really good love again."

Marcelo D2 atua amanhã no Teatro Tivoli em Lisboa e sexta-feira na Queima das Fitas do Porto. Ou de como, mesmo sem poder ir ao concerto, há dias em que me sinto uma privilegiada por fazer o que faço.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Gata às 13:38




Pesquisar

Pesquisar no Blog