Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



14
Fev08

Spam

De um dia para o outro, a minha caixa de correio electrónico começou a ser invadida por mensagens misteriosas. Querem melhorar o meu sexo, aumentar o meu pénis, vender-me prozac, dar-me descontos incríveis. Gente que eu não conheço de lado nenhum dispõe-se a ser minha amiga. Convidam-me para jogar num casino virtual, oferecem-me possibilidades extraordinárias para conhecer o mundo, drogas baratas e mais sexo, claro, mais sete polegadas no meu pénis e a minha vida será diferente, asseguram-me. Acredito! E fico sensibilizada com tanta simpatia. Apetece-me responder a cada um, individualmente, agradecendo a atenção e a preocupação com o meu bem-estar. É raro encontrar pessoas assim, disponíveis, nos dias que correm. O único senão é conseguir encontrar o resto das mensagens, mais urgentes e úteis, no meio de tanta oferta. Até que descubro que os meus colegas também têm recebido mensagens iguais às minhas. E estão danados. Protestam com o serviço de informática. Riem-se dos anúncios ao viagra. Sinto-me traída. Já não se pode confiar na bondade alheia. Estes são os tempos.

Tags:

publicado às 12:33


Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor