Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



26
Mai09

Intervalo

Sei que algo de errado se passa quando me vou deitar e deixo a loiça por lavar, quando grito com o puto por coisas de nada, quando me saem palavrões da boca, quando fico prostrada em frente da televisão mesmo sem nada de jeito para ver, quando me custa sair de casa de manhã para ir trabalhar, quando queixar-me do trabalho não é queixar-me de tudo. Há fases assim. Em que a vida parece presa por um fio. Prestes a rebentar a qualquer momento. Nessas fases não me apetece escrever no blogue, não me encontram no messenger, não esperem pelos meus telefonemas. Não quero falar com ninguém. Encolho-me no meu casulo e espero que a onda passe por cima. Há de passar. Não é sempre assim? E depois eu volto e dou uma das minhas gargalhadas, prometo.

Tags:

publicado às 22:42


Mais sobre mim

foto do autor