Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Agradeço do fundo do coração a todas as feministas deste mundo. Às sufragistas e às que queimaram soutiens. Às mulheres que moveram o mundo enquanto os homens andavam nas guerras. Às que lutaram pelo direito a vestir calças. E minissaias. Às que fizeram com que as mulheres deixassem de ser posse dos homens - e agora até já podemos sair do país sem autorização deles e tudo. À primeira mulher taxista. À primeira mulher ministra. À primeira astronauta. Admiro-vos imenso, a sério. Mas, agora, o que eu queria mesmo, era ser casada com um homem rico, não ter que trabalhar e poder ficar em casa a tratar dos miúdos e a experimentar receitas fantásticas. As voltas que o mundo dá.

publicado às 22:35


Mais sobre mim

foto do autor