Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



26
Dez19

Do verbo amar

13e842991a5f1cc713a34d7954851b48.png

No outro dia estava a tentar explicar isto ao meu filho: não adianta gostar de alguém se essa pessoa não se sentir gostada. É importante mostrar aos outros o que sentimos. Em palavras, em gestos, em comportamentos. O amor que sentimos só é verdadeiro amor quando chega à outra pessoa. Nem que seja em forma de abraço. Ou de sorriso.

E, pensando bem, também é isso o natal. Um pretexto para dizermos aos outros que gostamos deles. Para nos lembrarmos como isso é importante. Uma prenda é uma maneira de dizer: gosto de ti. Ou: acho que isto te pode fazer feliz. Não tem de se gastar muito dinheiro. Uma prenda é um acto de amor. E é tanto mais especial quanto mais é pensada para aquela pessoa específica. O livro que ela queria ler. O desenho que fizemos. O postal que escrevemos. O abraço que ele precisava. A visita que nunca temos tempo de fazer. O jantar que passamos a vida a adiar. Aquele telefonema. Aquela palavra.

publicado às 17:16


Mais sobre mim

foto do autor