Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



12
Fev19

Com o coração

Saber de cor um texto é sabê-lo "by heart", dizem os ingleses. Com o coração.

No sábado voltei a By Heart, o espetáculo de Tiago Rodrigues. Tinha-o visto há quatro anos e nessa noite saí do teatro com a certeza que queria voltar a vê-lo. Esperei pacientemente. Assim que soube desta apresentação única comprei os bilhetes à maluca. Como se conseguisse prever a minha vida com mais de um mês de antecedência. Calhou num fim de semana de trabalho, o António tinha um jantar de aniversário, o Pedro teve de ficar um bocadinho em casa de um amigo, a minha companhia cortou-se à última hora, eu estava exausta. Podia ter corrido tudo mal. Mas não. Embora já sem o factor surpresa, foi tão bom como da primeira vez. Se houver outra oportunidade, quero lá estar, de novo, para aprender de cor o soneto 30 de Shakespeare. By Heart é um espetáculo sobre a memória e o esquecimento. E sobre aquilo que realmente importa: aquilo que está dentro de nós. Além disso é uma experiência de partilha - partilha de histórias, de risos, de lágrimas, partilha de palco, de coisas para pensar, de afectos.

A vida vai torta por estes lados, de maneiras várias e com grande dificuldade em endireitar-se. Mas. Sair de uma sala de espectáculos feliz continua a ser uma das melhores coisas do mundo. 

publicado às 09:06


3 comentários

Sem imagem de perfil

Agridoce 12.02.2019

Ohhh! O que eu gostava de ter revisto essa que acho uma das melhores peças dele!...
Sem imagem de perfil

Bea 12.02.2019

Tem razão; não vi by heart, nunca tinha ouvido falar do espectáculo. Mas acontece que ontem também assisti a um filme de que gostei, saí apressada mas contente. Ainda existem ilhas pequenas de agradabilidade:).
Bom Dia
Sem imagem de perfil

Anónimo 13.02.2019

É uma pena estas coisas não saírem de Lisboa!

E filmes, gata? O que anda a ver?

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor