Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



27
Dez15

Demónios

"- Sabes o que mais ajuda na desgraça, Irina? Falar. Ninguém pode andar pelo mundo sozinho. A dor partilhada é mais suportável. Todos temos demónios nos recantos mais escuros da alma, mas se os trazemos à luz os demónios mirram, enfraquecem, calam-se e por fim deixam-nos em paz."

Há muitos anos que não lia um livro da Isabel Allende. Tirei O Amante Japonês de uma prateleira do meu pai antes do natal e tenho estado a devorá-lo.

Um livro e uma esplanada. Há dias em que isso é tudo que preciso. Há outros em que é preciso algo mais.

Tags:

publicado às 16:26


Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor