Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



1. Roma

2. BlacKkKlansman

3. Vice

4. The Favourite

5. Green Book

6. A Star is Born

7. Bohemian Rhapsody

8. Black Panther

Com um sprint final, esta tarde e em modo ilegal (mas foi o único), este ano consegui ver os oito filmes nomeados na categoria principal. Não tenho qualquer dúvida de que Roma é o meu filme preferido e que Black Panther foi, como é óbvio, aquele de que menos gostei (ou não fosse eu uma pessoa pouco dada a fantasias e super-heróis). Ali pelo meio, a ordem não é rígida. O Bohemian Rhapsody não me tocou e olhem que eu até gosto de biopics. Fiquei agradavelmente surpreendida com A Star Is Born, com a realização do Bradley Cooper e com a interpretação da Lady Gaga, mas a historiazinha é tão cheia de clichés e aquele final é tão lamechas que não se aguenta. O Green Book tem duas óptimas interpretações (Viggo Mortensen e Mahershala Ali) e até saí do cinema feliz mas à medida que me fui distanciando da história senti que era apenas um filmezinho agradável. Gostei muito do The Favourite e elas são as três excelentes (Olivia Colman, Emma Stone e Rachel Weisz) - se o tivesse visto noutro dia e noutras circunstâncias talvez tivesse ficado rendida, hoje tive dificuldade em relacionar-me com as personagens que me pareceram demasiado caricaturais. O Vice foi uma surpresa, não estava nada à espera que fosse tão divertido. E, sim, é muito engajado e temos que dar o desconto. Mas eu gosto muito daquela aliança entre filme-denúncia e paródia de si mesmo - que é algo que o Spike Lee também tem. BlacKkKlansman é um grande filme. Mas não tão grande quanto Roma. Acho mesmo que Roma é um daqueles filmes que vai ficar para a história do cinema. Pelo menos, na minha história do cinema vai.

E agora vamos dormir que já são horas e eu já não tenho (na verdade, nunca tive) idade para ficar acordada até de madrugada só para saber quem leva estatuetas para casa.

feature-the-favourite-sarah-rachel-weisz-queen-ann

Só para terminar, uma fala de A Favorita que me ficou na cabeça:

"I don't lie. That's love."

Tags:

publicado às 23:03


1 comentário

Sem imagem de perfil

Bea 26.02.2019

Ontem, nem sabia que a cerimónia dos óscares já era. Mas concordo com o seu juízo em geral. Porque não vi senão Green book, de que gostei demais, as interpretações estão formidáveis e eu dava a estatueta a Vigo Mortensen sem hesitações. Também vi um bocadinho de A star is born, não sei como termina porque conheço a história e me desinteressou. Comecei a ver Cold war que me parece um bom filme e vou continuar. O primeiro que vi foi Roma e não tive dúvida de que ganharia o prémio de melhor filme estrangeiro. Depois de ter visto os outros concorrentes, concordo com a opinião de muita gente de que seja o melhor filme. Vou ainda ver A favorita e o Blackkklansman. Como li aqui que Vice é bem disposto...sou capaz de ver.
E estão os óscares arrumados. Por este ano.

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor